Capacitação de Pessoas com deficiência para atuar em TI

Deficiente Online :DeficienteOnline.com.br Currículo e Vagas para profissionais com deficiência.

TAGS:
Capacitação de Pessoas com deficiência para atuar em TI, inclusão, curriculos, empregos, vagas, lei, contratação, deficientes, pessoas com deficiência, mercado de trabalho, multa de empresa que não cumpre lei de cotas, lei de cotas 8213

Instituto de Pesquisas Eldorado capacita pessoas com deficiência para atuar em TI
 
Nova frente do projeto Oficina do Futuro está formando duas turmas para atender empresas da região de Campinas
Campinas, março de 2008 – O Instituto de Pesquisas Eldorado, referência em pesquisa e desenvolvimento em Tecnologia da Informação (TI) e Telecomunicações, lançou em 2008 uma nova abordagem do projeto Oficina do Futuro, que oferece, gratuitamente, capacitação em TI para pessoas com deficiência. As duas primeiras turmas, da fase piloto do projeto, vão concluir os cursos processos de manufatura e soluções em TI, nos dias 12 e 16 de abril.
Ao todo, 29 alunos participam dessa primeira fase. Divididos em duas turmas, deficientes físicos e auditivos, eles puderam contar com professores preparados para atender suas demandas pedagógicas específicas e instalações adequadas à acessibilidade desse público.

A iniciativa é um desdobramento do projeto Oficina do Futuro (www.oficinadofuturo.org.br), criado em 2004. O objetivo do Eldorado é incentivar a inclusão social de pessoas com deficiência e ampliar a oferta de mão-de-obra para o mercado de TI. A expectativa da organização é ter outras empresas apoiando a iniciativa para suprir o déficit de mão-de-obra qualificada.

Segundo o gerente-executivo de Operações e Tecnologia da organização, Jaylton Ferreira, “temos um projeto de cunho social com um enorme apelo de mercado, ainda mais analisando a falta de mão-de-obra em TI que afeta o cenário tecnológico brasileiro atual”.

Segundo a Associação Brasileira das Empresas de Software e Serviços para Exportação (Brasscom), cerca de 40 mil vagas de emprego no segmento de tecnologia da informação ficam abertas anualmente no País e o principal motivo é justamente a falta de capacitação técnica dos candidatos. Só na região de Campinas estima-se que existam mais de 50 mil pessoas com deficiência, que devidamente qualificados podem atuar nesse segmento.

Um dos responsáveis por assessorar e orientar o instituto na formatação da nova frente de trabalho da Oficina do Futuro é o colaborador do Eldorado e presidente do Centro Independente de Vida de Campinas (CIV/Campinas), Vinícius Gaspar Garcia. “Nossa maior participação no mercado de trabalho depende também de uma equiparação às oportunidades de capacitação profissional”, aponta.

Papel social e necessidade de mercado

A iniciativa surgiu para suprir a necessidade de empresas de tecnologia por mão-de-obra capacitada, além de preencher as cotas - de 2 a 5% do quadro de funcionários das empresas – reservadas a pessoas com deficiência. A determinação foi criada junto à Lei Federal nº 8.213/91, também conhecida como Lei de Cotas.
Atualmente, as empresas de tecnologia da região de Campinas só preenchem cerca de 35% dessas vagas, segundo pesquisa finalizada em novembro de 2007 pelo Instituto de Pesquisas Eldorado.
A pesquisa também apontou que existe hoje no mercado uma preferência pelo trabalhador com deficiência auditiva, em detrimento, especialmente, das pessoas com deficiência visual, que encontram barreiras para sua inserção. O modelo de atuação do Oficina do Futuro comporta o trabalho de capacitação de pessoas com deficiência visual, fato que deve facilitar a inserção de pessoas com este perfil no mercado de trabalho.

Sobre o Eldorado
 
O Instituto de Pesquisas Eldorado (www.eldorado.org.br) é uma associação civil sem fins econômicos, fundada em dezembro de 1997, em Campinas, interior do Estado de São Paulo.
Em operação desde março de 1999, conta com sistemas de gestão e processos técnico-administrativos altamente qualificados em âmbito internacional (ISO9001, CMMI 3, ISO17025 e ISO14001), que favorecem a competitividade do Eldorado e o tornam uma das organizações que mais crescem no País na área de Tecnologia da Informação e Comunicação.
O Eldorado tem como missão maximizar os resultados das atividades de pesquisa e desenvolvimento de seus clientes e parceiros, realizando projetos de inovação e evolução tecnológica, capacitação profissional e serviços de alto valor agregado, contribuindo para a consolidação da rede brasileira de pesquisa e desenvolvimento em Tecnologia da Informação e Comunicação.

Informações para a imprensa

Informações à imprensa
 
Accenda do Brasil
Adriana Roma

Gerente de Contas
adriana.roma@accenda.com.br
 
Wagner Zambon Faneco
Gerente Executivo de Comunicação Corporativa
wagner.faneco@accenda.com.br

imprimir voltar



publicidade
publicidade
deficienteonline.com.br
Curta o DeficienteOnline.com.br no facebook.+DeficienteOnline.com.brSiga o DeficienteOnline.com.br no LinkedIn.Siga o DeficienteOnline.com.br no twitter.